A Rádio tem medo da palavra

Imperdível também esta entrevista ao meu companheiro José Manuel Rosendo: directa, sincera, rara.

Anúncios

2 Respostas to “A Rádio tem medo da palavra”

  1. luis Nascimento Says:

    Espero que muita gente leia esta excelente entrevista(cuja leitura e análise,de resto ja sugeri a muitos companheiros de profissão).
    Até hoje,raras têm sido as vozes a levantar as questões apontadas pelo José Manuel Rosendo,com lucidez,reveladora de alguém que está no jornalismo com imparcialidade.
    E é também uma lição para os jovens na profissão,que devem procurar ter uma atitude de humildade,procurar aprender com os mais experientes. O que muitas vezes não acontece….

  2. luis Nascimento Says:

    Nao querendo monopolizar este blogue,acrescentaria o seguinte,a uma das questões apontadas pelo JMR: para “medir” o peso da actualidade é necessário “conhecer” o mundo. Mas, nestes tempos de superficialidades, a urgência das noticias não pode servir para explicar o espaço exiguo dedicado á actualidade internacional nas radios,numa perspectiva de enquadramento que deve ser dado aos acontecimentos do nosso tempo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: